Terça-feira, 14 de Fevereiro de 2006

Sinto-me só...

Sinto-me só
Abandonado à deriva
nadando contra as vagas sociais,
que me aprisionam sem dó,
condicionam a vida,
recalcam este sentimento
por acatar as normas matrimoniais
e calar a todo o momento
o amor que tenho por ti.
Tento refugiar-me no meu silêncio,
no escuro da minha mente
onde não há gente,
e aí passo a amar-te livremente
ser teu e seres minha
duas pessoas numa só,
eu e tu,
tu e eu
num mundo imaginário
cheio de amor, e felicidade
amando-se eternamente
com volúpia, ardentemente
num abrir e fechar de olhos
o escuro torna-se num imenso clarão
pelos nossos corpos rolando no chão
ouvem-se ruídos pela satisfação dos desejos
ilumina-se a minha mente
quebra-se o silêncio
há cor, barulho, magia
harmonia das mais belas sinfonias
na nossa forma de amar.

mfsp - 03/09/2001

publicado por etoulixada às 02:55
link do post | comentar | favorito
|

.Um blog só para mim, para quando me sentir em baixo, vir aqui "beber" algo que me alimente a alma, momentos retirados do "meu" baú das recordações...

.pesquisar

 

.Julho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.escrevi há pouco

. Foi tudo uma MENTIRA pega...

. Amor é...

. Parabens!!!!

. PEIXINHA

. para ti.....com carinho.....

. Onze minutos

. Pensamento do dia

. Hoje

. A morte e a confissão

. Meu coração parou

.O que escrevi antes

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006